Home

Depois de três dias de competições, encerrou-se neste sábado o Campeonato Sul-americano e Brasileiro de Tiro com Arco, realizado pela Field Brasil nas instalações da Yellow  Ball, Piraquara, Paraná. A prova de Animal Round, onde o arqueiro tenta acertar figuras de diferentes animais, foi a escolhida para finalizar o torneio que reuniu perto de 80 arqueiros representando o Brasil, Argentina Chile e Uruguai.

A prova de ontem contou com 28 alvos em sequência e, como normalmente ocorre, era a mais esperada pelos arqueiros, que disputaram Hunter e Field na quinta e sexta-feira. Apesar de longo, o circuito foi percorrido em tempo inferior aos dias anteriores e não houve grande desgaste dos participantes.

Presente ao Campeonato, o Presidente da International Field Archery Association, Loet Smit, disse ter gostado do evento no qual não observou problemas. Certamente uma grande vitória para a Field Brasil, que organizou um evento dessas proporções pela primeira vez no Brasil num ano de alterações consideráveis em sua estrutura e apoio a um número recorde de provas de tiro com arco realizadas por seus polos afiliados.

Aliás, recordes não faltaram durante os três dias de provas. Inúmeras marcas sul-americanas foram deixadas para traz, deixando claro o elevado nível técnico. Os resultados do SAFAC e BFAC podem ser vistos aqui.

O programa de encerramento ficou por conta de um jantar reunindo os participantes, organizadores e convidados, com a entrega de medalhas aos vencedores. 

O calor e sol forte não esmoreceram o ânimo dos competidores em uma prova com mais 6 horas de duração.
O próximo desafio será um Animal Round de 28 alvos utilizando os dois circuitos, transformados em um só. Aqui, mais do que nunca, o preparo físico será fundamental.

Confira os resultados dos segundo dia de prova.

Três recordes Sul-americanos para os atletas brasileiros e disputas acirradas foram o destaque do primeiro dia de provas do Campeonato Sul-americano e Brasileiro de Tiro com Arco, realizado nas dependências da Yellow Ball e organizado pela Field Brasil. O dia de sol forte foi amenizado pelo vento que soprou o dia todo e o trajeto das provas de Field e Hunter agradou os participantes.

O já consagrado arqueiro Rodnei Ramos superou a melhor marca sul-americana da categoria AMBH-R ( Bowhunter Recurvo Masculino Adulto), na prova de Hunter, atingindo 318 pontos. Para se ter uma ideia do alto nível observado, o segundo colocado, Diego Niero, também superou o recorde anterior, chegando aos 309 pontos. Por sua vez, o arqueiro Eder Daniel superou em muito o recorde da categoria AMFSR (Recurvo Estilo Livre Masculino Adulto), com 490 pontos. Mas, sem dúvida, a agradável surpresa ficou por conta do jovem arqueiro Pedro Casanova, de 11 anos, que bateu o recorde sul-americano na prova de Field na categoria CMFU (Estilo Livre Ilimitado Infantil), atingindo a impressionante marca de 472 pontos.

Amanhã continuam as provas de Field e Hunter, com início previsto para as 9 horas e previsão de duração por pelo menos seis horas, o que exigirá, mais uma vez, bom preparo e disposição dos participantes. Para o sábado, no mesmo horário, ficou programada a realização da prova de Animal Round, certamente a mais aguardada. A premiação acontecerá no Hotel Slaviero Pinhais, ainda na noite de sábado, encerrando o Campeonato de maior abrangência já organizado pela Field Brasil.

Confira os resultados do primeiro dia de competição.

More Articles...

  1. Inscritos
  2. SAFAC-2013